segunda-feira, 5 de novembro de 2018

Homem é preso após estuprar a sogra de 105 anos em.....


Pará: Homem é preso após estuprar a sogra de 105 anos, portadora do Mal de Alzheimer




Um homem foi preso acusado de ter estuprado uma idosa de 105 anos de idade em Muaná, no arquipélago do Marajó.
 
Segundo a Polícia Civil, a vítima é a pessoa mais idosa a ser estuprada no país. Benedito Barrinha Rocha Miranda teve um mandado de prisão decretado pela Justiça, após investigações realizadas pela equipe da Delegacia do município. As investigações apontaram que o homem se aproveitava do fato de a vítima, sogra dele, ser portadora do Mal de Alzheimer (doença neurodegenerativa caracterizada pela perda de memória a curto prazo) para cometer os abusos sexuais.


De acordo com o delegado Guilherme Gonçalves, titular da Delegacia de Muaná, as investigações tiveram início ainda este ano, após a equipe policial tomar conhecimento do crime. A vítima - mãe da companheira do acusado - passava os dias em uma rede, em sua casa, onde recebia os cuidados especiais de sua filha. "Ele procurava ficar a sós com a idosa para cometer o delito. O acusado retirava a idosa da rede onde e depois tirava-lhe as vestes para consumar o crime sexual", explicou o policial civil.


Os crimes sexuais vinham ocorrendo ao longo do ano. "A idosa não dispunha da plenitude de suas funções cognitivas, não mais se locomovendo e estava completamente cega", detalhou. Por essa razão, segundo a polícia, o crime está caracterizado como estupro de pessoa vulnerável.


A vítima passou por exames médicos e periciais. "Os peritos responsáveis pela realização dos exames constataram as violações sofridas pela idosa", enfatizou o delegado. Com base nas provas, o policial civil requereu à Justiça do município a prisão preventiva de Benedito Miranda, que vai ficar recolhido à disposição da Justiça para responder pelo crime.


Nenhum comentário:

Postar um comentário