sábado, 23 de dezembro de 2017

Militares recebem honrarias do legislativo...

Deputado Vinícius Louro concede medalha Manoel Beckman a militares que prestaram honroso serviço em Pedreiras.

Por meio de uma indicação do deputado Vinícius Louro (PR) tenente-coronel Everaldo Coutinho Moraes, da Polícia Militar do Maranhão,  o subtenente e chefe de guerra do Tiro de Guerra de Pedreiras do Maranhão, Márcio Ferreira Lobato, do Exército Brasileiro receberam a mais alta honraria do Legislativo maranhense, a medalha Manoel Beckman, concedida na última quarta-feira (20), em sessão solene na Assembleia Legislativa.

O deputado Vinicius Louro ressaltou a honra e a alegria em proporcionar essa homenagem a duas personalidades que fizeram um grande trabalho no município de Pedreiras e região.

“O tenente-coronel Everaldo colocou a polícia em comunhão com a população da cidade de Pedreiras e de toda a regional do Médio Mearim. Já o subcomandante Lobato é uma pessoa que transformou o Tiro de Guerra de Pedreiras, onde sempre quando foi solicitado pelas entidades pedreirenses para trabalhar junto ao social esteve sempre presente”, elencou o parlamentar.

O tenente-coronel Everaldo Coutinho Moraes, da Polícia Militar do Maranhão, e o subtenente Márcio Ferreira Lobato, do Exército Brasileiro, foram agraciados com o reconhecimento pelos relevantes serviços prestados à população maranhense. O subtenente e chefe de guerra, Márcio Ferreira Lobato contou com emoção sobre a homenagem que recebeu.

“Eu entendo o que esta honraria representa para o estado do Maranhão, portanto, gostaria de dedicá-la ao Exército Brasileiro por ter me nomeado para esta honrosa missão de Chefiar o Tiro de Guerra 08-008, de Pedreiras-MA, agradecer a Deus por ter me permitido contribuir com a sociedade maranhense a ponto de receber sua mais alta comenda e aos senhores deputado Vinícius Louro e ao Senhor Presidente da Assembleia, deputado Humberto Coutinho por terem reconhecido a importância do meu trabalho e trazido meu nome a esta casa”.

Segundo Lobato ao longo dos 72 anos, o Tiro de Guerra de Pedreiras já incorporou mais de seis mil jovens, oferecendo formação cívica e cidadã. Ensinando valores de honra, disciplina companheirismo e espírito de equipe. “Muitos desses rapazes, que ao longo da história pedreirense e trizidelense, vieram a se tornar empresários, políticos, professores, artistas, médicos, poetas e, portanto, desenvolvem papel fundamental para a sociedade”, destacou.
E contou sobre a trajetória do Tiro de Guerra em diversos momentos da história da região do Médio Mearim, bem como nas calamidades.

“Tivemos a participação do TG 08-008. Como nas enchentes que ocorreram ao longo dos anos, onde o tiro de guerra era empregado dando suporte em pessoal e instalações para as ações de Defesa Civil, salvaguardando então os vitimados, seja na distribuição de alimentos ou auxiliando no transporte da população para os abrigos”.

Lobato ressaltou os trabalhos realizados com o deputado Vinícius Louro.

“Auxiliamos na distribuição de pescado do deputado Vinicius Louro, por ocasião da semana Santa, evento este que já é tradição no Médio Mearim e na distribuição de Cestas Básicas das Prefeituras de Pedreiras e Trizidela. Implementamos o Preparatório Comunitário para Cursos Militares, tendo como professores voluntários militares da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros”.

O tenente-coronel Everaldo Coutinho Moraes ganhou destaque pela dedicação profissional e pelo trabalho árduo contra a criminalidade em Pedreiras e região, como comandante do 19º Batalhão de Polícia Militar da cidade. Hoje, está no município de Bacabal. Já são algumas décadas de serviços prestados e voltados para o bem de toda a sociedade.

“Recebo esta honrosa homenagem e divido com todos os militares da corporação. A medalha é como se fosse um combustível para que continuemos trabalhando com afinco em prol da sociedade”, afirmou o tenente-coronel.

Estiveram presentes na solenidade o capitão Jair Catarino, representando o comandante do 24º BIL,  Batalhão de Infantaria Leve, o coronel e sub-chefe do Estado Maior,  Antônio Roberto dos Santos Silva, no ato representando o Comandante Geral da Polícia Militar, sub-comandante da PM, e outras autoridades.

Nenhum comentário:

Postar um comentário